Dois moradores de Ji-Paraná (RO) não pouparam esforços e arriscaram a própria vida enfrentando uma enchente para salvar dois cachorros.

 

Foto: Reprodução Vídeo

Foto: Reprodução Vídeo

 

O resgate aconteceu na última sexta, dia 15 de janeiro. Uma forte chuva assolou a cidade por mais de 12 horas, deixando centenas de moradores sem suas casas. Um dos homens que ajudou a salvar os cachorros da enchente, Wellington Gilliard, de 25 anos, estava ajudando outras famílias a salvarem seus pertences quando recebeu a notícia de que dois cães estavam presos dentro de quintais. Sem pensar duas vezes, ele e outro homem que não foi identificado pularam na correnteza, entraram nos quintais e salvaram os animais.

 

Notícia relacionada: Cão fica com a pata presa em armadilha de caça, mas resiste até o resgate!

 

Em entrevista ao G1, Wellington foi categórico: “Eu não vejo diferença entre a vida de um cachorro e de um humano. A nossa vida não vale mais do que a dos animais não”.

 

Foto: Reprodução Vídeo

Foto: Reprodução Vídeo

 

O tutor de um dos animais, que preferiu não se identificar, contou que “…a inundação veio de repente. Ela (a cachorra) era a única coisa insubstituível que tinha lá dentro, pois móveis e objetos a gente compra de novo. O pessoal que estava nos ajudando propôs a ir buscá-la e entraram na correnteza”. O tutor do segundo cachorro não foi encontrado.

É reconfortante ver pessoas que se importam tanto com os animais, a ponto de arriscar a própria vida para salvá-los! Parabéns aos dois!

 

Fonte: Olhar Animal

       

Para fazer uma doação agora, clique:

Adote um bichinho

Mapaa_icones_site_Adote1 Aqui você pode encontrar o mais novo membro da sua família. Todos os animais encontrados passaram por maus bocados antes de serem resgatados. Saiba mais aqui <3      

Faça uma denúncia

Mapaa_icones_site_Denuncie1 Fazendo denúncias você nos alerta sobre animais que estão sendo maltratados ou correndo risco de morte. Ajude denunciando!      

Ajude o MAPAA

Mapaa_icones_site_Ajude1 As doações são a única fonte de renda que mantém o MAPAA, portanto, doar é manter o nosso trabalho ativo. Faça uma doação e faça parte desta conquista!