Nos deparamos, diariamente, com diversos pedidos de socorro que envolvem nossos indefesos animais e no último dia 23 de agosto, não foi diferente. Recebemos o pedido de resgate de uma cadelinha com seus cinco filhotes recém-nascidos, abandonados na região de Interlagos, zona sul de São Paulo.

Ao chegar ao local indicado, pelas características da mãe, que tinha as unhas compridas, sinal de animal domesticado, tudo indicava que ela havia sido abandonada após ficar prenha. Estava muito frio e, tanto a cadelinha quanto os filhotinhos, choravam muito. Não havia como não se emocionar.

Após resgatarmos a todos, os encaminhamos ao médico veterinário que constatou que, a cadelinha, batizada por nós de Suzi, estava bem, e seus cinco filhotinhos também (duas fêmeas e três machos).

Também acabamos descobrindo a triste história na qual a cadelinha havia vivido: recebemos a informação que, antes da Suzi ser abandonada, ela era constantemente agredida pelo seu primeiro tutor, que não gostava de animais. Segundo informações que nos foram passadas, ela era deixada em uma área externa pequena e descoberta. Nas noites de frio, chorava e apanhava por esse motivo. Certo dia, foi avistada sendo ameaçada com uma furadeira elétrica, colocada bem perto de seu focinho. A partir deste momento, Suzi foi retirada deste tutor e apresentada para uma nova casa, mas o novo tutor também não gostava de animais. Ele não a maltratava fisicamente, mas também não oferecia o carinho merecido e a abandonou após ficar prenha e dar à luz aos filhotinhos. E foi a partir deste momento que entramos na história, para dar um futuro diferente tanto para a Suzi quanto para os seus filhotinhos.

É muito triste vermos o quanto o ser humano pode ser cruel, abandonando um animal indefeso a um destino desconhecido e, na maioria das vezes, fatal. Vamos cuidar muito bem da Suzi até ela encontrar um lar de amor, realizamos os exames e procedimentos necessários e a mãezona está muito bem e, em breve, será castrada. O mesmo faremos com os seus filhotinhos, que serão cuidados por nós e também pela mamãe dedicada até seguirem para os seus futuros tutores. Sim, todos os filhotinhos já foram doados!

Compartilhe essa história e, juntos, vamos ajudar a Suzi a encontrar um lar que a mereça. Graças a Deus, pessoas bondosas são maioria e, por esse motivo, temos certeza que logo logo todos estarão muito felizes e saudáveis, com donos amorosos e cuidadosos.