O ano de 2015 já começou, e as resoluções de ano novo pipocam por aí. As pessoas sentem a necessidade de mudança, e numa tentativa de tornarem suas vidas mais agradáveis e eficientes, bolam planos que pretendem executar ao longo do ano. Arranjar um emprego, emagrecer, ler mais, qualquer coisa que as faça sentirem melhores consigo mesmas. E o Instituto MAPAA vem até você com uma proposta: que tal resoluções de ano novo por uma vida com um maior equilíbrio com a natureza?

 

Economize água

 

 


 
Já falamos bastante sobre essa questão aqui no blog nos últimos meses, muitas vezes utilizando a crise hídrica de São Paulo como exemplo. Mesmo em períodos de bastante chuva e com os reservatórios em dia (o que não é o caso de SP), economizar água é importante. Ajuda no bolso e no meio ambiente. Banhos mais curtos, ensaboar a louça e escovar os dentes com a torneira fechada, cuidar das goteiras e vazamentos, tudo ajuda no fim das contas. Se você tem passado por apertos com falta d’água e está começando a se acostumar com a economia, por que parar agora?

 

Use menos o carro

 

 


 
Claro, cada um sabe o caminho que faz no seu dia a dia, e que a maioria dos transportes públicos brasileiros são caros e de má qualidade, mas algo precisa ser feito. O trânsito caótico das nossas capitais não irá se ajustar sozinho, e a quantidade enorme de carros das ruas lançam gases que prejudicam a atmosfera constantemente. Se você  tiver a opção, utilize o transporte público, entre na moda das ciclofaixas, ande mais (sua saúde agradece), promova caronas. Faça a sua parte.

 

Não jogue lixo nas ruas, parques, praias…

 

 


 
Pode até ser um tema clichê, mas constantemente vemos pessoas se livrando do lixo de forma irresponsável e sem o menor pudor. Entopem bueiros e depois assistem aos programas sensacionalistas da tv, indignados com as enchentes que destroem a vida de milhares de pessoas todos os verões. Governos e prefeituras tem a sua óbvia parcela de culpa, mas a verdade é que muitas pessoas não olham para os próprios atos e agravam a situação. O lixo que você descarta na cidade, além disso, pode ainda ir parar em lugares ainda mais distantes, sujando áreas com mata nativa e animais silvestres, que muitas vezes pensamos estarem longe de nós, mas que podemos afetá-los de maneira muito séria. E recicle seu lixo sempre que possível.

 

 Seja um voluntário

 

 


 
Existem diversas entidades que promovem o trabalho voluntário para atividades como reflorestamento, campanhas de conscientização, entre outras. O SOS Mata Atlântica é uma delas. Essa resolução de ano novo talvez seja a mais difícil de concretizar, nunca é fácil sair tanto assim da rotina, mas fica aí a sugestão. Inclusive porque este ano vamos abrir os grupos de voluntários do Instituto MAPAA, então, pense no assunto!

 

Bom 2015!

 

A ideia é que no ano de 2015 todos tenhamos um estilo de vida mais equilibrado no que se refere ao nosso convívio com a natureza. Criar uma consciência maior para as problemáticas ambientais que ouvimos falar na tv, mas que parecem distantes da nossa realidade. Muitos dos que moram na cidade tem a sensação de que não fazem mais parte do meio ambiente, mas estamos inseridos nele como qualquer outro ser vivo.